Gabriela Gomes lançará o segundo single de seu novo projeto e divulga capa

O Meu Pai é Bom é sua segunda canção de uma série lançada pela Universal Music Christian Group.

A cantora Gabriela Gomes lançará nesta sexta-feira (20) o single “O Meu Pai é bom”, sendo sua segunda canção de uma série lançada pela Universal Music Christian Group. A música foi composta pela própria Gabriela que também atuou na produção musical.

Ela conta que essa canção veio em um momento de oração. “Eu estava orando e Deus começou a falar muito profundo comigo sobre o quão Ele é bom e Pai. E de repente eu comecei a cantar a letra dessa canção”, disse.

“Por isso acredito que essa letra veio como resultado do fruto do meu relacionamento com Ele. Então toda a composição dessa canção não foi algo que eu sentei escolhi um tema e comecei a letra, na verdade foram momentos espontâneos de comunhão com Deus”, ressaltou Gabriela.

“Eu recebo essa letra com muita responsabilidade, e com o dever de compartilhar com as pessoas que Ele é bom. Não importa a história que você tenha tido com seu pai, o quanto você foi machucado em relação a isso. Eu não sei sobre o que as pessoas passaram em seus relacionamentos paternos, mas posso afirmar o Pai celestial é bom”, explica a cantora.

A canção “O Meu Pai é bom”, acompanhará um clipe no canal da VEVO da cantora e promete tocar corações nas igrejas e rádios pelo o Brasil. Depois do sucesso do clipe “Deus proverá”, que assim como o novo trabalho tem direção de Fill Rocha, Gabriela apresenta uma pegada completamente diferente.

Para o clipe “Meu Pai é bom” o cenário escolhido foi uma casa de estilo rústico, localizada em Embú, cidade do interior de São Paulo. Além de uma nova proposta em relação ao cenário, a cantora levou para o clipe elementos de arte para representar de forma visual algumas mensagens sobre a bondade de Deus.

Para isso convidou um artista plástico que pintou telas exclusivas para o clipe. São no total cinco pinturas, que segundo a cantora tem representações diferentes. “Eu quis colocar essas representações porque Deus sempre fala comigo por meio de imagens, então convidei o Diogo Labarca e fui contando para ele sobre essas minhas visões e o que estava em meu coração ele conseguiu perfeitamente captar o que eu explicava”, finalizou.

Fonte: Guiame